Clinica Odontológica Silvânia Rocha

Clinica Odontológica Silvânia Rocha
Clinica Odontológica Silvânia Rocha 3019-8911 3052-1880

Bem vindo, você é meu visitante número:

contador

Lomadee

Viaje pelo mundo com a ZARPO!

Patrocinando Em nossas Vidas

quarta-feira, 21 de março de 2012

Eu aprendi...


Eu aprendi...que uma noite pode ser longa mas que um outro dia sempre amanhece por mais que seu coração esteja partido. Eu aprendi que as vezes a vida te enfia no peito situações que te chegam de viés...para que encontre em algum lugar dentro de vc algo que faça sentido...um norte, uma direção.
Eu aprendi que você pode tentar levar uma vida inteira para entender que as vezes é melhor renunciar algo ou alguém,  mesmo querendo,  a continuar.
Eu aprendi que não adianta somente chorar que as vezes o peito te pede para gritar tamanha dor que está em seu coração.
Eu aprendi que tem momentos na minha vida em que eu terei que me ajoelhar e perante os mistérios de Deus agradecer a ele pela vida, ainda que seja de frente com a morte.
Eu aprendi e disso não me arrependo a amar com a alma, a desejar com vigor e a querer mesmo sem poder ter.
Eu aprendi a esperar algo que ainda não sei o que é, mas que a mim vai chegar.
Eu aprendi que por mais que você queira entender quando alguém que você ama parte desse mundo você começa a alimentar uma esperança de que em algum lugar vocês vão se endontrar...porque tudo que aqui nasce em sua maioria está fadado a perecer. 
Eu aprendi que de alguma forma a morte te ensina a viver, a acreditar que mesmo com seus 30, 40, 50 , 100 anos ela será sempre curta.
Eu aprendi que por mais que te critiquem, que não te aceitem do jeito que você é, se você se curte tem que se amar e muito.... para valer. E que se você não rir de você as vezes uma piada , um mico seu fica totalmnte sem graça e você perde a chance de dar uma boa e sonora gargalhada.
Sorrir é bom, é maravilhoso mas chorar é muito bom também... você sente no silêncio de suas lágrimas o que seu coração quer dizer e não tem palavras ... é quando o coração dói... você olha para trás e sabe que não vai ter mais aquele abraço , aquele carinho, aquele aconchego.
É quando um amor que está indo, escorregendo pelos seus dedos sai de todo um contingente seu palpável, no que tange o toque, o tato e entra de vez, sem pedir licença para o livro das memórias e se transforma em saudade.
Eu aprendi que hoje vou chorar, que amanhã também vou chorar, e depois e alguns outros depois... e que algumas datas muitos anos depois também vou chorar.
Eu aprendi que de alguma forma Deus nos mostra em tamanha dor que vale muito, muito mesmo acreditar no amor.
Por mais que o mundo, a globalização, a alienação atual te digam que não.
Que vale a pena você se desculpar, se perdoar de alma ... para poder desculpar e uma outra pessoa perdoar. porque é nesse instante que você se descobre tão humano, tão pequeno perante a grandiosidade e misericordia de Deus que sempre, sempre te perdoa e nunca te deixa na mão por pior que seja a situação.
Eu aprendi que você pode levar dias, meses, anos sem o amor de outrora ouvir ou saber como está mas basta apenas uma fração de segundo escutando essa mesma voz que seu estomago fica repleto de borboletas e um furacão te tira os pés do chão.
Eu aprendi que é escrevendo que minha emoção transborda da minha alma traduzindo o que eu quero falar e algumas vezes não consigo expressar.
Que um gesto simples as vezes vale mais que mil presentes...
Que a distância não é desculpa pela ausência...
Que a vida as vezes nos mostra que a renuncia é uma das melhores e maiores provas de amor que agente pode ter, fazer e com o tempo aprender.
Que é no trabalho que você cresce, empreende, se fortalece e percebe que vai chegar dias de luta, dias de vazio, de se sentir completamente sozinho. E com o trabalho que você enaltece todo o tempo como lenitivo para as tormentas que você precisa encarar e depois... respirar aliviado por mais uma prova passar.
Que tem dias que você vai chorar até sentir que não tem mais lágrimas para chorar mas que outras vezes vai chorar igual, e com o passar dos dias você se percebe diferente um pouco mudo, um pouco calado.
E neste momento eu aprendi que estarei sempre aprendendo.
E que agora está tudo em mim doendo.
Bjs
Debby :)

4 comentários:

  1. O que escrever Debby além de,muitíssimo obrigado por compartilhar tantos e tão bons aprendizados???
    Bjosss...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que responder Barthes além de, muitissimo obrigada pelo carinho ??? rsrs

      Bjs no coração
      Debby :)

      Excluir
  2. Oiii Debby!! Obrigada pelo carinho no meu blog nesses meus dias ausente...obrigada mesmo!! Voltei hj e vim aqui correndo te visitar..espero n parar mais e poder visitar os blogs amigos sempre novamente!! beijos enormes e um otimo fds pra vcs!! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aninhaaaa quanto tempo...
      Felicidades pelo super aumento da familia Mãe Muchileira, Filho Malinha.
      Fiquei feliz de coração..
      Bjs enormessss no coração
      Debby :)

      Excluir

Aqui você vai chorar comigo, vai rir comigo, vai recordar comigo, vai se emocionar.. vai viver comigo.
Mas quando sair comente..
E me faça feliz! Debby :) :)

Você vai gostar de ler

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Campanha de incentivo a Leitura

Campanha de incentivo a Leitura
Vamos ler mais e melhor!