Clinica Odontológica Silvânia Rocha

Clinica Odontológica Silvânia Rocha
Clinica Odontológica Silvânia Rocha 3019-8911 3052-1880

Bem vindo, você é meu visitante número:

contador

Lomadee

Viaje pelo mundo com a ZARPO!

Patrocinando Em nossas Vidas

quarta-feira, 6 de junho de 2012

De tanto amor


Hoje ouvindo essa música do Roberto Carlos fiquei perdidinha nessa frase. "de tanto amor"
Me perguntei:
Será que erramos mesmo por amar tanto ?
Eu já sofri uma montanha...
Já arrastei trem, bonde, já fiquei arreada os 4 pneus e mais step por amor.. rs rs
Já mudei de estado, deixei emprego, amigos e tudo o mais sem olhar para trás por amor..

Já deixei de ouvir meus pais, de escutar os conselhos de meus melhores e bons amigos por amor.
Já gargalhei , já chorei de rir por amor. E já chorei até sentir meu coração doer, até sentir que não tinha mais lágrimas... até sentir que nunca mais iria me apaixonar por nada e por ninguém... até jurar a mim mesma que nunca mais iria abrir meu coração de novo para amor algum. Exceto para minhas poesias.

Mas era tanto amor ...
Era tanto amor que todo dia uma, duas ou três poesias por dia eu escrevia.
Era tanto amor que mesmo acordada me pegava sonhando.
Era tanto amor que que pensava nunca acabar.
Que para sempre iria durar
Até que acabou..

A esperança me desertificou completamente e ficava sempre a me perguntar porque se eu queria que fosse para sempre alguma coisa, que eu não sabia quem ou que era, me dizia que era para parar por ali.
Mas adiante não tinha como seguir.
E me perguntava
Porque essa vontade de ir embora se antes era de tudo largar e com meu amor ficar ?
Existem algumas questões que povoam a minha cabeça por toda a minha vida e acredito que para sempre comigo irão ficar.
É que.... inteligente eu sei que sou e começo a usar a lógica claro!!!
Porque ??


Porque é tão difícil entender o outro ?
Porque é tão difícil mudar o outro ?
E mais ainda, se a resposta para esta segunda  é simplesmente mudando a nós mesmos... porque também é tão dificil nos dispormos a pequenas mudanças de hábitos diários ?

Porque não conseguimos mais dialogar ?
E porque será que é muito, mas muito mais fácil perdermos algum tempo de nossas vidas a tecer enormes fios de comentários sobre a vida dos outros ?
Dizem que é porque o outro está a nossa frente e é dificil olhar para nós mesmos. Fiquei certa vez pensando nessa frase.
E vi que realmente é um trabalho gigantesco mas que é totalmente possível e a gente consegue sim.. basta querer. É que nem a paciência que é uma arte e como toda arte requer disciplina diária... força de vontade.
E quando a vontade vem a agente ops... muda o foco, muda o assunto até mesmo porque fulano ou cicrano não está ali para se defender não é? e a gente pode até pensar assim
E se fosse eu ou você o assunto em voga nas linguinahs alheias .... !! rs rs 
Mas o Verissimo surgiu com uma sacada maravilhosa e uma das melhores que já li em toda minha vida.

É quando a gente acredita que já sabe tudo... que já aprendeu tudo. Mas o inusitado, o inesperado te ensina na dor ou no amor que não. E nesse aprendizado você tem a certeza de que nunca esteve ou está realmente sozinho quando o seu coração por algum motivo até então para você estranho te ensina que isso chama-se fé.
Mas foi de tanto amor que resolvi acreditar e apostar no próprio amor... de uma forma diferenciada dessa convencional e principalmente dessa forma vulgar e hoje morderna de amar. 
Os ficantes que me perdoem não estou aqui para julgar mas essa não é  e nunca foi a minha praia.
É de tanto amor que hoje sou mãe, pai e amiga de meus dois filhos e idades muito diferentes o que me soa para caramba a criatividade e os músculos quarentinhas rs rs mas foi por amor e eu escolhi assim.
É de tanto amor que hoje tenho os melhores amigos que uma pessoa pode supor e esperar ter ainda que pequenina seja sua quantidade o que conta realmente é a qualidade deles.
É de tanto amor que hoje estou aqui a me perguntar o que me leva a escrever para você ai um lugar qualquer desse meu Brasil e fora dele .. porque ?

E agora deixo você refletindo... se perguntando.. ao som de Enya com Pete Korving num solo de guitarra maravilhoso. Já disse aqui que amo Enya né?
Esse texto é mais um ensaio para a blogagem coletiva Amor aos Pedaços estamos chegando na quarta fase -encantamentos. Clique na imagem para mais detalhes






Você vai gostar de ler

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Campanha de incentivo a Leitura

Campanha de incentivo a Leitura
Vamos ler mais e melhor!