Clinica Odontológica Silvânia Rocha

Clinica Odontológica Silvânia Rocha
Clinica Odontológica Silvânia Rocha

Bem vindo, você é meu visitante número:

contador

Lomadee

Viaje pelo mundo com a ZARPO!

Patrocinando Em nossas Vidas

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Recife parte IV - A angustia, o medo e o desespero



Comecei a trabalhar no dia 07/01 uma segunda-feira.
Mas senti pela primeira vez uma vontade louca, enorme, absurda de pegar o primeiro voo de volta pra Salvador. No domingo dia 06/01

Primeiro porque o mercado mobiliário em Recife está fora de órbita, eixo e completamente além da realidade e eu experimentei pela primeira vez desde que aqui cheguei a sensação de ter trocado (financeiramente falando) 6 por meia duzia.
- Meu Deus me dá uma luz

Inicio de Pausa VI
Bem a angustia nasce sempre que penso em meus meninos.
O medo quando me vi "sozinha" numa cidade que mal conhecia, sem parente, aderente sem nenhum ser vivente para chamar de meu. Arrepiou minha alma por inteiro.
E naquele domingo o medo tomou conta de mim.
Fim de Pausa VI

O desespero caiu com tudo quando depois de quase ter fechado um contrato de aluguel, de ter  dado o sinal de um aptoo pertinho do trabalho e mobiliado, a proprietária desistiu.
E ligou pro meu celular neste domingo dia 06/01.
Eu estava em pleno Shopping Recife e chorei...sem me importar quem estava me olhando.
Sem estar nem ai para aquelas pessoas que nunca vi, olhando para mim.



Chorei até ter dor de cabeça.
E isso acontece comigo quando choro ou sorrio muito.
E a grana ($$$) Debby ?
Estava indo, minguando a cada dia mas não gastaria um tostão que fosse do sinal do meu futuro cantinho eu pensava nessas horas.
Era domingo e eu tinha esquecido completamente dele. Mas ele não me esqueceu
E foi através da Adri (Adriana) que me voltei para ele, de com força kkkk, como dizem.
Naquelas horas de angustia só pensava no ficar mais tempo longe de meus filhos.
E fomos na igreja que ela frenquenta MA RA VI LHO SA. 
 Inicio de pausa VII
O problema quando criamos expectativas seja em que sentindo for, um projeto, um sonho e até mesmo numa pessoa é que a vida algumas vezes nos prega peças das mais variadas e quando um parâmetro se quer não sai a contento a frustração vem com tudo.
Confesso que criei muita expectativa com esse primeiro apto e esse foi meu erro, mas ouvi da Adri a seguinte frase:
- Quando a vida fecha alguma porta, Deus abre várias janelas. É porque não tinha que ser seu Debby. 
Gente mas ela falava com tanta certeza (que deveria ser minha, claro!) que eu comecei a acreditar
Fim de pausa VII

E acreditei que Deus, a vida estava me reservando um cantinho lindo, mágico em que decoraria com todo meu amor para esperar meus filhos.
Uma semana se passou e eu sai muito aqui em Recife, a Adri se mostro super companheira fora a nergia dela muito alto astral, e o melhor super positiva.
Estou com poucas fotos aqui nesse computador mas assim que tiver irei postar algumas.
Mas essa já é uma outra história que começa a partir da compra do jornal no domingo dia 13/01 ..... a esperança, a fé , a Adri e o re-começo!!!
Eu e a Adri antes de sair... te adoro amiga linda :)
Ouvindo agora


Bjs e até a próxima
Debby :)

Você vai gostar de ler

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Campanha de incentivo a Leitura

Campanha de incentivo a Leitura
Vamos ler mais e melhor!