Clinica Odontológica Silvânia Rocha

Clinica Odontológica Silvânia Rocha
Clinica Odontológica Silvânia Rocha 3019-8911 3052-1880

Bem vindo, você é meu visitante número:

contador

Lomadee

Viaje pelo mundo com a ZARPO!

Patrocinando Em nossas Vidas

segunda-feira, 15 de março de 2010

Final de semana

Reflexão: "Me arrependo de coisas que disse, mas jamais do meu silêncio" - Xenócrates, filósofo Grego.

Esse final de semana passamos na casa de minha sogra, estamos meio que nos despedindo de todos aqui aos poucos.
O João está enorme e cada dia mais lindo, mais fofo mais tudo.
Ás vezes quando ele está dormindo fico namorando ele e agradecendo a Deus sabe ? É estranho mas quando soube que estava grávida fiquei gelada, sem chão, sei lá, não sabia se ria ou se chorava. E lembrei que algumas semanas antes eu andei meio deprimida com um nó na garganta, uma angustia. Hoje sei que, de acordo com o pouco que sei da doutrina espirita todos os envolvidos num processo de reencarne se encontram para combinar como será a recepção deste novo ser que está retornando aos nossos laços de familia. E depois que o João nasceu, pego ele em meus braços e mentalmente peço perdão pela tristeza que me acometeu quando soube da gravidez. Mas, acredito que toda gravidez de surpresa, quando não é esperada assusta um pouco os envolvidos.
Divagando 3

( Débora Acácio 10/06/2009)



Existem momentos em que sentimos uma tristeza...
uma angustia... que tentamos buscar os motivos
no nosso mundo externo...
Existem momentos em que temos uma vontade
de chorar... uma saudade de alguém... que não sabemos ao certo quem!
uma saudade de um lugar... que não sabemos especificar!

Nesses momentos faz-se necessário
parar... respirar fundo.... e orar
Pendindo a Deus senhor e criados de todas as coisas
Que nos alivie... que nos mostre em seus sinais um motivo
para esses sentimentos natos de nossa alma em existências outras modificar.
Modificar para alegria, sorriso, esperança e qualquer sentimento não
relacionado com Melancolia.

Nesses momentos um bom amigo
sem cai no céu...
Seja por uma ligação...
Seja pelo pensamento, na lembrança...
Não importa o meio o lenitivo sempre surge.

Nesses momentos
Temos que agradecer pela beleza do dia
Pela natureza, pela vida, pelos amigos...
E nesses momentos não há motivos
para tristeza sentir....

E Hoje meu João Victor está aqui do meu ladinho....



E esse ser todo especial que Deus me enviou está me fazendo enxergar a vida de outra forma, e esses dias em que estamos só eu e ele durante o dia aqui... que vejo , que sinto o ser mãe... não que com o Tiago não tenha sido aqui. Mas esse ano em que passei com o Tiago aqui me fez ver o quanto eu não sabia ser mãe dele, ser aquela leoa que proteje sua cria, entende ?
E por isso que agora mesmo com o coração pequeno, quando lembro do Tiago tenho vontade de voltar no tempo e fazer tudo diferente. Mas sei que isso não posso fazer, mas posso refazer a partir de agora.
Acredito que cada novo dia é uma nova oportundade que o cara lá de cima nos concede para refazimento, para criar, recriar, começar ou quem sabe recomeçar... seja lá o que for. Bastando para isso o querer.

Quando estamos num momento de dor e sofrimento, acreditamos que não vai passar, que Deus isso, que Deus aquilo. Mas sempre esquecemos que tudo passa. E quem disso isso foi Nossa Senhora . Quando ela e Pedro arrumaram uma velha casinha para atender os necessitados e para ensinar as palavas de Jesus conforme ele mesmo tinha pedido. Os doentes, os miseráveis, os estropiados, cegos , mancos, leprosos vinham de todas as partes em busca de alento para suas dores.
E nessa época também nasceu a experessão "mãe santissima"...quando com todo seu amor , carinho e fé ela dizia aos "filhos" do mundo que iam procurá-la - Isso também vai passar. Tenha fé meu filho(a) !
E assim estava alguns dias antes do João nascer, chorava e chorava muito todos os dias... sozinha em casa. Danny < meu marido > trabalhando, e eu com meus botões.... chorava, entrava no quarto de Tiago e queria tirar ele de qualquer forma dos objetos dele, das roupas dele e chorando deitava na cama dele até que o sono vencia meus soluços. Eu poderia até não saber como educar, cuidar do meu filho corretamente mas durante aqueles dias eu senti a dor que só uma mãe sente quando está longe de um filho amado. E lembrei de minha mãe com meu irmão Nal que já está desencarnado.


E minha mãe dizia que essa saudade que ela sente só mesmo Deus e as orações dela que aliviam, que saciam. E pensei no quanto de verdade tem nessa frase, e me apaguei a Deus na certeza de em breve abraçar  filho tão querido, tão amado que é o Tiago. E vendo depois da tempestade, vi cada momento meu de vacilo, de erro, de engano, de vontade... tudo, tudo que vivi com meu filho aqui e que sei que terei que agir diferente, tanto com ele e principalmente com o João.
E hoje percebo que cada momento de lágrima ou de sorriso é para o meu crescimento.
Beijos e até a próxima
Debby :)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você vai chorar comigo, vai rir comigo, vai recordar comigo, vai se emocionar.. vai viver comigo.
Mas quando sair comente..
E me faça feliz! Debby :) :)

Você vai gostar de ler

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Campanha de incentivo a Leitura

Campanha de incentivo a Leitura
Vamos ler mais e melhor!